quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Beto Carrero - dia 5

No quinto dia da viagem resolvemos sair um pouco da "Beachtrip" e ir se divertir no Beto Carrero!
Para quem não sabe, o parque fica em Penha/SC, umas 2h de viagem de Florianópolis pela BR 101.

Como já havíamos planejado bem antes, compramos os ingressos pelo site (R$ 130,00), o que nos poupou entrar na fila da bilheteria. Assim, chegamos lá às 8h e fomos pra fila de abertura. O estacionamento (pago a parte - R$ 40,00) é aberto às 8h, mas o parque só abre mesmo às 9h. Mas vale a pena chegar antes, pois é muita gente.

Assim que o parque abriu, corremos para a primeira montanha-russa, a mais antiga. Nessa fomos rápido, pois conseguimos chegar antes de se formar a fila. Depois fomos para a maior montanha-russa, a FireWhip. Nessa pegamos uma fila enooooooooorme, no sol. Mas valeu a pena, é muito legal, muita adrenalina! 

Após isso, meu namorado e minha irmã resolveram ir nos radicais hahah Foram então no Free Fall e na Big Tower. Eu fiquei só observando lá de baixo hahaha Almoçamos na praça de alimentação. Depois aproveitamos que mais da metade do parque estava na apresentação dos Velozes e Furiosos e fomos ao Trem do Beto Carrero. Na ida conhecemos o zoológico, a girafa, zebra, tamanduá, entre outros. Muito lindinhos!

O trem dá uma ideia da dimensão do parque, realmente uma atração legal para visitar. Depois dele seguimos para montanha-russa Tchibum, na água (pois estava um calorão e ninguém aguentava mais). 

Para finalizar o dia, passeamos no Museu do Beto Carrero, Velho Oeste e na Ilha dos Piratas. Saímos de lá às 17h satisfeitos e mega cansados. Os brinquedos fecham às 17h30 e o parque fecha oficialmente às 18h. Infelizmente não sobrou tempo para irmos em nenhum espetáculo, mas deixamos para a próxima ida. Fiquei com muita vontade de assistir no "O sonho do Cowboy", último espetáculo apresentado do dia, que conta a história do próprio Beto Carrero.


ALGUMAS DICAS:
- Para o que planejamos, um dia no parque foi mais que suficiente. Mas se você quiser ir em tudo mesmo, pode comprar o passaporte para dois dias.
- Caso você não queira enfrentar filas, pode adquirir um passe especial, chamado fura-fila, na bilheteria. Acho que estava em torno de R$ 70,00. Nós não compramos mas conseguimos aproveitar muito bem o parque igual.
- A alimentação lá é de médio preço para cara. Pesquise bem antes de decidir onde irá comer.
- Ponto negativo: não há ar-condicionado na praça de alimentação, o que no verão é incômodo. 
- Escolhemos ir em uma quarta-feira, pois assim não pegamos o movimento de final de semana. Isso interfere nas filas do parque.
- Passe muito filtro solar!!
- Use roupas leves e tênis para aproveitar bastante ;)




ao fundo a FireWhip
eu, meu namorado e minha mãe descendo a Tchibum

Eu e minha família já havíamos ido ao parque quando eu e minha irmã éramos crianças, assim aproveitamos a ida de agora para refazer algumas fotos. O que vocês acham? Ficou parecida? (1996-2016)




E nos próximos posts voltaremos a Beachtrip do verão, vocês vão conhecer mais 6 praias, aguardem ;)

E quem aí vai viajar no carnaval?! Tudo pronto?
Beijos

Um comentário: