segunda-feira, 13 de abril de 2015

Mudanças ;)

Todo mundo quer mudar. Mas a mudança exige muito mais que a vontade e o ato.  O ato é irracional, trabalhoso, cansativo. Você encaixota, faz malas, limpa, organiza, põe um monte de coisas fora. Você não sabe como guardava tanta coisa em tão pouco espaço! E parece que nunca vai terminar essa parte. Quando termina, você precisa desencaixotar tudo que fez e assim começa tudo de novo. Nessa parte irracional a gente fica dias, semanas, meses e tem gente que diz que até hoje está com alguma caixa fechada por aí.

Já a parte mais difícil da mudança está na racional, na sentimental. Você pode não ser apegado a bens materiais, mas é apegado a momentos. Momentos vividos naquele espaço que você não mais estará. Essa mudança exige muito mais de ti, ela exige coragem, planejamento, determinação e geralmente vem acompanhada do medo. “Os medos seguem os nossos sonhos”. Dependendo da mudança, tudo é mais aflorado. Tem mudança de casa, tem começo de casa nova, tem mudança de cidade, de estado, de país! Tem mudanças mais difíceis e tem mudanças mais fáceis.

Eu estou em mudança! Mudança de casa, mudança de vida, mudança de fase. Essa mudança me exige os dois lados – o irracional: estou entre muitas caixas ultimamente, e se você me perguntar aonde está tal coisa, talvez eu não saiba te responder. – e a sentimental: estou começando uma nova etapa da vida, saindo da casa dos meus pais e indo dividir todos os momentos com quem eu escolhi para minha vida.

Posso afirmar que essa mudança tem me exigido coragem, maturidade, tempo, força, objetividade, mas também tem me gerado muita ~muita felicidade, planos, risadas e aquela vontade de deixar cada cantinho do nosso jeito, de organizar tudo, de aprender, de crescer, de sermos donos do nosso lar.

Chegou a hora, hora de colocar o planejamento em prática e mudar! Vamos em frente que vai ser demais!

E, se vocês quiserem, posso trazer todas as novidades dessa mudança aqui para vocês ;)

vista do apê novo!! Foto do amor :)

Nenhum comentário:

Postar um comentário